19 fevereiro 2014

Caminhando com as próprias pernas.

Pobres seres humanos, medíocres e dignos de pena. Se contentam com qualquer miséria, com qualquer migalha. É uma raça que não pensa em crescer, não pensa em evoluir. 
São seres acomodados, que têm medo de sair do ''conforto'' de suas vidinhas pacatas, para irem buscar coisas que realmente valham apena.
Até quando vamos continuar sentados, acomodados, descansados e conformados, com a vidinha de merda que levamos? Ousem mais, saiam de baixo da barra da saia das mães e vão atrás dos seus próprios sonhos, das suas próprias vontades, caminhem com as suas próprias pernas. Vocês são livres, o mundo ta ai, à tantas coisas para serem exploradas, descobertas, vividas.. Mas mesmo assim, vocês preferem permanecer sentados no sofá, assistindo televisão e tapando os olhos e os ouvidos pra realidade do mundo. Não se impõem, todos seguem o mesmo padrão ''normal'' e se sentem ''felizes'' com isso, porque sempre disseram que se era feliz com pouco. O problema é que vocês não sabem interpretar e não vamos ser hipócritas, por favor.. A maioria se tornou alienado!
A maioria da população é ignorante, só por não saber aproveitar as oportunidades da vida. 
O que adianta passar a vida inteira acomodados, se nada realmente fizer o coração bater mais forte? Se arrisquem mais, vivam mais, sintam a adrenalina, a emoção.. São essas coisas que realmente valem apena no fim do dia, e não o quanto foi ''tocante'' o último capítulo da novela.
Nunca é tarde demais, pra se começar a viver. Se permitam!



Bárbara Martins.